Desastre em Chernobil em 26 de abril de 1986

Desastre em Chernobil
Em 26 de abril de 1986, o reator número quatro do complexo nuclear de Chernobil, na Ucrânia (URSS), explode. A nuvem radioativa afetou países vizinhos, provocou 31 mortes no primeiro dia, contaminou 10 mil quilômetros quadrados e atingiu com as radiações 600 mil pessoas.

Fatos históricos
  • 1336 — Francesco Petrarca sobe até ao cimo do Monte Ventor.
  • 1500 — Realizada a primeira missa no Brasil, pelo Frei Henrique de Coimbra, O.F.M.
  • 1544 – O capitão espanhol Domingo Martínez de Irala é proclamado governador do Paraguai após prender Núñez Cabeza de Vaca, que vinha ocupando o posto.
  • 1711 – Nasce David Hume, filósofo escocês.
  • 1731 – Morre Daniel Defoe, escritor inglês.
  • 1798 – Nasce Eugenio Delacroix, pintor francês.
  • 1828 – A Rússia declara guerra contra a Turquia por uma suposta violação do tratado de Ackermann.
  • 1845 – Começa a ser publicado O Paraguaio Independente, primeiro jornal impresso no Paraguai.
  • 1856 – Nasce Henri Philippe Petain, presidente da França durante a ocupação alemã.
  • 1889 – Nasce Ludwig Wittgenstein, filósofo austríaco.
  • 1894 – Nasce Rudolf Hess, militar e político alemão.
  • 1910 – Morre Bjornstjerne Bjornson, escritor norueguês.
  • 1915 – Primeira Guerra Mundial: é selado um acordo secreto entre os aliados e a Itália, que oferece a este país compensações territoriais caso ele declare guerra contra a Áustria.
  • 1916 – Nasce Morris West, escritor australiano.
  • 1918 – A Alemanha e o governo soviético estabelecem relações diplomáticas.
  • 1924 – É publicado O Processo, a primeira das grandes novelas de Franz Kafka.
  • 1925 – Os alemães elegem o marechal Paul von Hindenburg como presidente da República.
  • 1933 – Nasce Arno Allan Penzias, cientista norte-americano, vencedor do Prêmio Nobel de Física de 1978.
  • 1946 – Morre Hermann A. Keyserling, filósofo alemão.
  • 1954 – Começa, em Genebra, uma conferência sobre Indochina.
  • 1957 – O Egito proíbe a passagem pelo canal de Suez aos navios de guerra israelenses.
  • 1973 – Paraguai e Brasil firmam um tratado que permite a construção da hidroelétrica de Itaipú, a mais potente do mundo, no rio Paraná, limite entre os dois países.
  • 1984 – Morre Count Basie, músico norte-americano de jazz.
  • 1986 – Um grave acidente acontece na central nuclear de Chernobil, no norte da Ucrânia (URSS), causando grandes danos materiais e deixando muitas pessoas feridas.
  • 1989 – Morre Lucille Ball, atriz norte-americana.
  • 1990 – O rei da Espanha entrega ao escritor paraguaio Augusto Roa Bastos o Prêmio Cervantes de Literatura.
  • 1990 – Carlos Pizarro, candidato à presidência da Colômbia pelo partido M-19, é assassinado.
  • 1992 – Fortes terremotos atingem o norte da Califórnia, nos Estados Unidos, e causam 53 mortes.
  • 1994 – O Conselho Nacional Africano, de Nelson Mandela, ganha as primeiras eleições multirraciais da África do Sul com 62,6% dos votos, contra 20,4% do governante do Partido Nacional.
  • 1999 – Morre Al Hirt, músico norte-americano.
  • 2005 — Ocupação do Líbano pela Síria: sob pressão internacional, a Síria retira os últimos 14 000 militares do Líbano, terminando assim com 29 anos de ocupação militar desse país.
  • 2012 – Ex-presidente liberiano Charles Taylor é condenado por crimes de guerra durante a Guerra Civil de Serra Leoa.

Sentimos que, mesmo depois de serem respondidas todas as questões científicas possíveis, os problemas da vida permanecem completamente intactos.

Ludwig Wittgenstein

Foto do Dia

Manifestantes protestam em Minsk, Belarus, no aniversário dos 24 anos do acidente de Chernobyl. AP
2010 – Manifestantes protestam em Minsk, Belarus, no aniversário dos 24 anos do acidente de Chernobyl. AP
Nascimentos
»121 — Marco Aurélio, imperador romano (m. 180).
1319 — João II de França (m. 1364).
1575 — Maria de Médici (m. 1642).
1648 — Pedro II de Portugal (m. 1706).
1710 — Thomas Reid, filósofo britânico (m. 1796).
1774 — Christian Leopold von Buch, geólogo e paleontólogo alemão (m. 1853).
1785 — John James Audubon, naturalista e ilustrador norte-americano (m. 1851).
1798 — Eugène Delacroix, pintor francês (m. 1863).
1872 — Maria Amélia de Nápoles e Sicília (m. 1866).
1879 — Owen Willans Richardson, físico britânico (m. 1959).
1889
Anita Loos, escritora norte-americana (m. 1981).
Ludwig Wittgenstein, filósofo austríaco (m. 1951).
1894 — Rudolf Hess, político alemão (m. 1987).
1900 — Charles Francis Richter, físico estadunidense (m. 1985).
1917 — Ieoh Ming Pei, arquiteto chinês.
1921 — François Picard, automobilista francês (m. 1996).
1924 — Gyula Kosice, escultor, poeta e artista plástico tcheco (m. 2016).
1932
Francis Lai, compositor francês.
Mário Tupinambá, humorista brasileiro (m. 2010).
1933 — Arno Allan Penzias, físico alemão.
1937
Manga, ex-futebolista brasileiro.
Jean-Pierre Beltoise, automobilista francês (m. 2015).
Gus Hutchison, automobilista estadunidense.
1940 — Giorgio Moroder, produtor musical e compositor italiano.
1947 — Donna de Varona, ex-nadadora norte-americana.
1949 — Carlos Bianchi, treinador argentino de futebol.
1954 — Walmor Oliveira de Azevedo, bispo brasileiro.
1955 — Rondinelli, ex-futebolista brasileiro.
1958
John Crichton-Stuart, 7.º Marquês de Bute, automobilista britânico.
Giancarlo Esposito, ator norte-americano.
1960 — Roger Andrew Taylor, músico britânico.
1961 — Silval Barbosa, político brasileiro.
1962
Héctor Enrique, ex-futebolista argentino.
Nasko Sirakov, ex-futebolista búlgaro.
1963
Alexei Bueno, poeta brasileiro.
Jet Li, ator chinês.
1967 — Kane, lutador estadunidense.
1969 — Geoff Boss, automobilista estadunidense.
1972 — Kiko Narváez, ex-futebolista espanhol.
1973 — Lee Woon-jae, futebolista sul-coreano.
1974
Ivana Miličević, atriz croata-americana.
Werner Eschauer, tenista austríaco.
1975
Wellington Cirino, automobilista brasileiro.
Joey Jordison, músico, compositor e produtor musical estadunidense.
Nicolás Asencio, futebolista equatoriano.
1977
Tom Welling, ator estadunidense.
Raphaël Wicky, ex-futebolista suíço.
Jason Earles, ator estadunidense
1978
Elson Becerra, futebolista colombiano (m. 2006).
Stana Katic, atriz canadense.
Peter Madsen, futebolista dinamarquês.
1979 — Ferydoon Zandi, futebolista iraniano.
1980
Jordana Brewster, atriz estadunidense.
Channing Tatum, ator e dançarino estadunidense.
1981
Diogo Nogueira, cantor brasileiro.
Matthieu Delpierre, automobilista francês.
Mariana Ximenes, atriz brasileira.
1983 — Pechito López, automobilista argentino.
1985 — John Isner, tenista estadunidense.
1987 — Jarmila Wolfe, tenista eslovaca-australiana.
1990 — Jonathan dos Santos, futebolista mexicano.
1993 — Brunno Abrahão, ator brasileiro.
Falecimentos
»896 — Papa Bonifácio VI (n. 845).
1118 — Arnulfo de Rohes, primeiro patriarca latino de Jerusalém (n. ?).
1192 — Imperador Go-Shirakawa (n. 1127).
1476 — Simonetta Vespúcio, modelo italiana (n. 1453).
1660 — Fernando de Almeida, compositor português (n. 1603/04).
1863 — João Francisco Lisboa, político, escritor e jornalista brasileiro (n. 1812).
1916 — Mário de Sá-Carneiro, escritor português (n. 1890).
1920 — Srinivasa Ramanujan, matemático indiano (n. 1887)
1938 — Edmund Husserl, filósofo austríaco (n. 1859).
1951 — Arnold Sommerfeld, físico alemão (n. 1868).
1969 — Morihei Ueshiba, mestre de artes marciais japonês (n. 1883).
1981 — Jim Davis, ator norte-americano (n. 1909).
1984 — Count Basie, músico e compositor norte-americano (n. 1904).
1989 — Lucille Ball, atriz e comediante norte-americana (n. 1911).
1996 — Thaís de Andrade, atriz brasileira (n. 1957).
1997 — Peng Zhen, político chinês (n. 1902).
2002 — Tore Svensson, futebolista sueco (n. 1927).
2005 — Augusto Roa Bastos, escritor paraguaio (n. 1917).
2007 — Florea Dumitrache, futebolista romeno (n. 1948).
2009 — Danny Kladis, automobilista norte-americano (n. 1917).
2017 — Jonathan Demme, cineasta estadunidense (n. 1944).
Liturgia Católica
São Pascásio, foi um célebre professor, que deu celebridade às escolas de Corbie. Pascásio Radbert foi personagem considerável no seu tempo. Os historiadores da Teologia continuam a mencionar a teoria que ele imaginou para “esclarecer” o mistério da presença de Jesus no Santíssimo Sacramento. Como diplomata, viajou muito entre 822 e 834, para solucionar questões da Igreja e tentar apaziguar os conflitos que punham em campo os sucessores de Carlos Magno.

Era um enjeitado exposto no pórtico de Nossa Senhora de Soissons no fim do século VIII. A abadessa Teodarda, prima direita de Carlos Magno, recolheu-o e educou-o da melhor maneira que pôde. Sempre ele se referiu à sua mãe adotiva com reconhecimento e veneração; apesar disso, deixou-a algum tempo para se lançar em aventuras.

Converteu-se aos 22 anos, e foi então Adelardo, irmão de Teodarda, abade de Corbie, que o recebeu entre os seus monges. Veio a ser um célebre professor, que deu celebridade às escolas de Corbie.

Em 844, os seus colegas de elegeram-no como abade mas, sete anos mais tarde, fizeram uma espécie de revolução que o obrigou a refugiar-se noutra abadia. Não se afligiu. Nascera para ser escritor, e tinha várias obras em preparação: “Que felicidade, dizia, ser lançado nos braços da filosofia e da sabedoria, e poder de novo beber no meu outono o leite das Sagradas Escrituras, que alimentou a minha juventude!”

Mas afinal os monges de Corbie acabaram por o chamar; voltou a viver com eles como simples religioso, edificando-os com os exemplos e continuando a escrever. Aí morreu a 26 de abril de 865.

 

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: