Michel Temer, um ano de governo em meio à solidão

Michel Temer, um ano de governo em meio à solidão

Presidente brasileiro insiste que não renunciará, apesar de viver sua pior crise política

A assombrosa capacidade do presidente Michel Temer de não renunciar ao cargo, apesar das formidáveis pressões nesse sentido, desencadeou um novo surto de desgosto no país. No Rio de Janeiro, milhares de pessoas protestaram, neste domingo, contra o presidente.

O mesmo já tinha acontecido nessa cidade e em outras 18 na semana passada. As manifestações só agravam uma crise que começou com o rumor de que Temer tinha obstruído a Justiça, mas que agora inclui uma acusação da Procuradoria Geral da República, enquanto o Supremo Tribunal Federal avalia acusá-lo igualmente por corrupção.

A influente Ordem dos Advogados do Brasil também apresentou seu próprio pedido de impeachment contra Temer. É o décimo terceiro no total. Mas se recusar a reagir é algo característico do atual presidente. Se existe alguma coisa com a qual Temer está acostumado é a ter problemas e, no fundo, só está lidando com sua pior crise política da mesma forma com que presidiu o país nos últimos 12 meses: de costas para o povo a e minimizando a gravidade de escândalos judiciais que o rodeiam.

leia mais em: Temer


Romantismo Inglês
Em 28 de maio de 1779, nasce o poeta irlandês Thomas Moore. Ele foi um dos artistas mais revolucionários do romantismo inglês. Suas obras iam do lirismo à sátira, da prosa romântica aos textos históricos e biográficos. Amigo de Lord Byron, o autor de Melodias Irlandesas também era um habilidoso músico.

Fatos históricos
  • 585 a.C. — Data tradicional do eclipse previsto por Tales de Mileto, considerado por muitos a data de fundação da Filosofia ocidental. No mesmo dia teve a Batalha de Hális, que foi decidida pelo eclipse.
  • 640 — É eleito o Papa Severino.
  • 928 — É eleito o Papa Leão VI.
  • 1358 — Início da Jacquerie, uma revolta popular em França.
  • 1518 – O conquistador Juan de Grijalva descobre Tabasco, o povoado onde nasceu a célebre índia Malintzín, que ajudou Cortés durante a conquista do México.
  • 1588 — A Invencível Armada, com 130 navios e 30 000 homens, começa a levantar âncora de Lisboa rumo ao Canal da Mancha (somente no dia 30 todos os navios haviam saído do porto).
  • 1779 – Nascimento de Thomas Moore, escritor e músico irlandês.
  • 1805 – Morre Luigi Boccherini, compositor italiano.
  • 1812 – Tratado secreto de Bucareste que põe fim à guerra entre Rússia e Turquia.
  • 1871 — 147 dirigentes da Comuna de Paris são fuzilados junto ao muro do Cemitério do Père-Lachaise.
  • 1878 – Morre John Rusell, estadista britânico.
  • 1880 – Guerra do Pacífico: Batalha da Aliança, envolvando as tropas do Peru e Bolívia contra o Chile.
  • 1912 – Morre Paul E. Lecoq, químico francês.
  • 1914 – Acordo entre México e Estados Unidos que causa a demissão do presidente mexicano, Victoriano Huerta. Em seguida, ocorrem novas eleições livres e os norte-americanos se retiram de Veracruz.
  • 1917 – O Parlamento britânico aprova o projeto de lei que concede o voto às mulheres do Reino Unido. Porém, o voto só é permitido às maiores de 30 anos que sustentam a família.
  • 1918 – O partido nacionalista Mussavet toma o poder e proclama a independência do Azerbaijão.
  • 1926 – Golpe militar do general Gomes da Costa em Portugal.
  • 1933 – Os bens do Partido Comunista alemão são confiscados.
  • 1936 – Estoura na Nicarágua uma rebelião militar dirigida pelo general Anastasio Somoza, que triunfa cinco dias depois e coloca o general no poder.
  • 1937 – Morre Alfred Adler, psicólogo austríaco.
  • 1940 – Segunda Guerra Mundial: os ingleses conquistam Narvik (Noruega), que estava sob poder dos alemães.
  • 1948 – A Legião Árabe da Jordânia consegue a rendição do setor antigo de Jerusalém na guerra árabe-israelense.
  • 1963 – Um ciclone e um maremoto causam a morte de 30 mil pessoas no Paquistão.
  • 1964 – Abertura do I Congresso Nacional Palestino em Jerusalém.
  • 1967 – Francis Chichester chega com seu navio a Plymouth (Grã-Bretanha), após dar a volta ao mundo como único tripulante em seu navio.
  • 1972 – Morre Eduardo de Windsor, monarca britânico que renunciou à coroa para se casar com Wallis Simpson, uma norte-americana divorciada.
  • 1973 – O presidente boliviano, Hugo Banzer, assume o comando do Exército para garantir a segurança nacional.
  • 1977 — Joseph Ratzinger (futuro Papa Bento XVI) é ordenado Bispo.
  • 1978 – Legalizado o aborto na Itália.
  • 1981 – A Anistia Internacional informa que 9 mil pessoas desapareceram na Argentina desde 1976.
  • 1981 – Morre Stefan Wyszynski, primeiro cardeal da Polônia, preso várias vezes durante o regime comunista.
  • 1987 — O piloto alemão-ocidental Mathias Rust, de 19 anos, escapa da defesa antiaérea soviética e aterra com um monomotor na Praça Vermelha em Moscou. Ele é imediatamente detido, sendo libertado a 3 de agosto de 1988.
  • 1993 — Eritreia e Mônaco se tornam membros da Organização das Nações Unidas.
  • 1998 – O Paquistão realiza cinco testes nucleares no deserto do Beluquistão, em resposta a Nova Délhi. Os Estados Unidos anunciam sanções econômicas ao Paquistão.
  • 2000 – O presidente de Israel, Ezer Weizman, anuncia sua renúncia ao cargo devido a um antigo escândalo de corrupção.
  • 2002 — A última viga de aço é removida no local original do World Trade Center. As funções de limpeza terminaram oficialmente com uma cerimônia de encerramento no Marco Zero, em Manhattan, Nova Iorque.
  • 2007 — A japonesa Riyo Mori vence o Miss Universo, e é a 2.ª mulher do seu país a ganhar o concurso. A brasileira Natália Guimarães ficou em 2.º lugar.
  • 2008 — O Nepal se torna uma república, colocando fim a 240 anos de monarquia. A assembleia constituinte do Nepal aboliu em 25 de maio a única monarquia hinduísta do mundo.

Esquerda florescendo sozinha;
Todos os seus adoráveis ​​companheiros
estão desbotados e desaparecidos;
Nenhuma flor de sua parentela,
não rosebud está próximo,
para refletir seus blushes,
Para dar um suspiro de suspiro.

 Thomas Moore 

Foto do Dia

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nascimentos
»1371 — João, Duque da Borgonha (m. 1419).
1524 — Selim II, sultão otomano (m. 1574).
1588 — Pierre Séguier, político francês (m. 1672).
1660 — Jorge I da Grã-Bretanha (m. 1727).
1676 — Jacopo Francesco Riccati, matemático e físico italiano (m. 1754).
1736 — Barry Yelverton, 1.º Visconde Avonmore (m. 1805).
1738 — Joseph-Ignace Guillotin, médico e político francês (m. 1814).
1764 — Edward Livingston, político e jurista estadunidense (m. 1836).
1779 — Thomas Moore, poeta irlandês (m. 1852).
1818 — P.G.T. Beauregard, militar estadunidense (m. 1893)
1836 — Alexander Mitscherlich, químico alemão (m. 1918).
1848 — Maria Bernarda Bütler, religiosa católica suíça (m. 1924).
1853 — Carl Larsson, pintor sueco (m. 1919).
1872 — Marian Smoluchowski, físico polonês (m. 1917).
1884 — Edvard Beneš, político tcheco (m. 1948).
1908 — Ian Fleming, escritor britânico (m. 1964).
1910
Rachel Kempson, atriz britânica (m. 2003).
T-Bone Walker, músico estadunidense (m. 1975).
1913 — Ciro Monteiro, cantor e compositor brasileiro (m. 1973).
1915 — Joseph H. Greenberg, linguista estadunidense (m. 2001).
1916 — Walker Percy, escritor estadunidense (m. 1990).
1917 — Teotônio Vilela, político brasileiro (m. 1983).
1921 — Celso Luft, dicionarista brasileiro (m. 1995).
1923
György Ligeti, compositor húngaro (m. 2006).
José Craveirinha, poeta moçambicano (m. 2003).
1925
Dietrich Fischer-Dieskau, maestro e cantor lírico alemão (m. 2012).
Bülent Ecevit, político turco (m. 2006).
1930 — Frank Drake, astrônomo e astrofísico estadunidense.
1931 — Carroll Baker, atriz estadunidense.
1933 — Zelda Rubinstein, atriz estadunidense (m. 2010).
1936 — Maki Ishii, compositor japonês (m. 2003).
1938 — Eppie Wietzes, ex-automobilista canadense.
1941
Zózimo Barrozo do Amaral, jornalista brasileiro (m. 1997).
Ivan Brzić, futebolista e treinador de futebol sérvio (m. 2014).
1943 — Cecil Thiré, ator e diretor brasileiro.
1944
Rudolph Giuliani, político estadunidense.
Jean-Pierre Léaud, ator francês.
Gladys Knight, cantora estadunidense.
Lia Gama, atriz portuguesa.
1945
John Fogerty, músico estadunidense.
Patch Adams, médico e ativista estadunidense.
1947 — Sondra Locke, atriz estadunidense.
1948 — Pierre Rapsat, cantor e compositor belga (m. 2002).
1953
Tero Palmroth, automobilista finlandês.
Arto Lindsay, músico e cantor estadunidense.
1954 — João do Pulo, atleta brasileiro (m. 1999).
1956 — Augusto Licks, músico brasileiro.
1957
Klaus Lindenberger, ex-futebolista e treinador de futebol austríaco.
Susanna Driano, patinadora artística italiana.
1959 — Steve Strange, cantor e ator britânico (m. 2015).
1960 — Mark Sanford, político estadunidense.
1962 — James Michael Tyler, ator estadunidense.
1964
P. J. Abbott, automobilista estadunidense.
Armen Gilliam, jogador estadunidense de basquete (m. 2011).
1966 — Ashley Laurence, atriz estadunidense.
1967 — Diogo Infante, encenador e ator português.
1968 — Kylie Minogue, cantora e atriz australiana.
1970 — Glenn Quinn, ator irlandês (m. 2002).
1971 — Ekaterina Gordeeva, patinadora artística russa.
1972
Doriva, ex-futebolista e treinador de futebol brasileiro.
Chiara Mastroianni, atriz italiana.
1973
Marco Paulo, ex-futebolista português.
Lionel Letizi, ex-futebolista francês.
1974
Adilson Paredão, futebolista brasileiro.
Hans-Jörg Butt, futebolista alemão.
Romain Duris, ator francês.
1975 — André Rizek, jornalista esportivo brasileiro.
1976 — Alexei Nemov, ginasta russo.
1978 — Renato Lamas Pinto, ex-jogador brasileiro de basquete.
1979
Jesse Bradford, ator estadunidense.
Monica Keena, atriz estadunidense.
Abdulaziz al-Omari, terrorista saudita (m. 2001).
1981
Gábor Talmácsi, motociclista húngaro.
Hitoshi Shiota, futebolista japonês.
1982 — Alexa Davalos, atriz estadunidense.
1983
Toby Hemingway, ator britânico.
Matthias Lehmann, futebolista alemão.
Marco Estrada, futebolista chileno.
1984
Laila Zaid, atriz brasileira.
Yulián Anchico, futebolista colombiano.
1985
Colbie Caillat, cantora estadunidense.
Carey Mulligan, atriz britânica.
Simon Pouplin, futebolista francês.
Rui Da Gracia, futebolista guinéu-equatoriano.
1986
Charles N’Zogbia, futebolista francês.
Joseph Cross, ator norte-americano.
Enzo Gutiérrez, futebolista argentino.
Seth Rollins, wrestler estadunidense.
1987 — Filipe Gomes, futebolista brasileiro.
1988
Diego Rodríguez Cano, futebolista uruguaio (m. 2010).
Carmen Jordá, automobilista espanhola.
1989
Rafael Almeida, ator e cantor brasileiro.
Luís Pereira Vaz, futebolista moçambicano.
1990 — Yonathan Del Valle, futebolista venezuelano.
1991
Alexandre Lacazette, futebolista francês.
Jonathan Ligali, futebolista francês.
1992 — Gaku Shibasaki, futebolista japonês.
1993 — Bárbara Luz, tenista portuguesa.
1994 — John Stones, futebolista britânico.
1995 — Jacob Kogan, ator estadunidense.
1999 — Cameron Boyce, ator estadunidense.
Falecimentos
»576 — Germano de Paris, santo e bispo francês (n. 496).
1357 — Afonso IV de Portugal (n. 1291).
1551 — Johannes Aal, teólogo, compositor e dramaturgo suíço (n. 1500).
1747 — Marquês de Vauvenargues, escritor francês (n. 1715).
1787 — Leopold Mozart, compositor, professor de música e violinista alemão. (n. 1719).
1814 — William Eden, estadista e diplomata britânico (n. 1745).
1836 — Anton Reicha, compositor tcheco (n. 1770)
1849 — Anne Brontë, escritora e novelista britânica (n. 1820)
1971 — Audie Murphy, ator estadunidense (n. 1924).
1972 — Eduardo VIII do Reino Unido (n. 1894).
1988 — Alfredo Volpi, pintor ítalo-brasileiro (n. 1896).
1998 — Mário de Melo Saraiva, médico, historiador, escritor e político português (n. 1910).
2001 — Francisco Varela, biólogo e filósofo chileno (n. 1946).
2007 — Toshikatsu Matsuoka, político japonês (n. 1945).
2010 — Gary Coleman, ator estadunidense (n. 1968).
2014 — Malcolm Glazer, empresário estadunidense (n. 1928).
Liturgia Católica

São Germano renunciou à sua vontade e quis a vontade de Deus para sua vida

Seu nome quer dizer ‘irmão’. Nasceu em 378 na França. Foi muito cedo para os estudos e acabou estudando Direito em Roma. Mas, seu grande desejo, era o de viver o Santo Evangelho. E foi pautando a sua vida na Palavra do Senhor.

Homem de oração e escuta, era dócil e pronto para renunciar a si mesmo e optar pelo querer de Deus. Germano foi visitado pela Divina Providência. Foi eleito governador da alta Itália mas, de repente, com a morte do Bispo em sua terra natal, o povo e o clero o escolheram Bispo.

São Germano renunciou à sua vontade e quis a vontade de Deus para sua vida. Promoveu a vida monástica e a evangelização na França. Foi um apóstolo de Jesus Cristo, cheio do Espírito Santo. Com o exemplo deste santo, aprendemos que precisamos viver como verdadeiros irmãos.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: